Redução de funcionários públicos Notícia

O ministro do Emprego e Assuntos Sociais de São Tomé e Príncipe, Emílio Lima, referiu durante uma intervenção a propósito do primeiro de Maio, «Dia do Trabalhador», que no governo que integra se considera necessário reduzir o número de trabalhadores na administração pública. A justificação apresentada foi o alívio da pressão sobre o orçamento do Estado, dentro de uma reforma que não só tem a ver com a saída de pessoas mas também com um melhor enquadramento e aproveitamento dos recursos humanos.
Nos últimos 10 anos a administração pública santomense triplicou o número de pessoas, chegando a cerca de 11 mil.

01.05.17




<< Retroceder

pub3