FMI em São Tomé Notícia

O Fundo Monetário Internacional (FMI) tem em São Tomé, capital de São Tomé e Príncipe, uma equipa com o objectivo de fazer a avaliação macroeconómica do país. O negociador-chefe desta equipa é Maxwel Opoku Afari, um quadro ganês que já se reuniu com o ministro das Finanças do arquipélago, Américo Ramos.
O trabalho da equipa do FMI vai focar-se no desempenho da economia e na análise com entidades governamentais de soluções para que esta possa ter uma melhor performance.
Há cerca de um ano foi assinado um acordo entre São Tomé e Príncipe e a instituição liderada por Christine Lagarde, no que resultou uma injecção de seis milhões de cerca de 5.460 milhões de euros. O objectivo definido então foi o relançamento da economia do país.
14.03.16




<< Retroceder

pub3