Siemens com 109 vagas TI para Portugal Notícia

A Siemens Portugal tem 109 vagas para perfis tão diversos como ‘BPM development specialist’, ‘IT business tester’, ‘data analyst’, ‘SAP HANA developer’ e ‘security engineer’, além de outros. Recentemente, a empresa foi uma das patrocinadoras do «Web Summit 2016» (Lisboa), onde esteve a identificar e a captar talentos de topo nestas áreas.
Em Portugal, o Lisbon HUB de tecnologias de informação (TI) da Siemens contará, no curto prazo, com cerca de 300 colaboradores altamente qualificados, e tem planos para continuar a crescer. A empresa vê os colaboradores como os seus activos mais importantes, e por isso mantém uma política activa de recrutamento, estando constantemente em busca dos melhores talentos.
Pedro Pires de Miranda, ‘chief executive officer’ (CEO) da Siemens Portugal, referiu: «O nosso posicionamento estratégico no médio e longo prazo assenta na criação de valor para os clientes nacionais e internacionais através de soluções e serviços TI suportados em tecnologias de ponta nas áreas de plataformas digitais, sistemas ‘cyber secure’ e aplicações interdisciplinares TI. A criação de emprego sustentável no ‘campus’ Siemens Alfragide [próximo de Lisboa], nesta fase com 109 vagas, em ambiente internacional e de alta performance, demonstra a confiança da nossa empresa nas capacidades e no talento dos portugueses e na subida da cadeia de valor do país.»
De assinalar que o governo português já anunciou a mobilização de 1,9 mil milhões de euros para tecnologias de informação e comunicação (TIC), através de fundos europeus e investimentos privados. A área das TI é encarada como crucial para que o país possa vencer o desafio da competitividade, dinamizando a sua economia.
Ao apostar nesta área e recrutar para ela, a Siemens Portugal contribui para o desenvolvimento do país. A empresa está a recrutar para as suas várias divisões, que actuam nas áreas da energia, indústria, infraestruturas e saúde, mas o principal foco está no Lisbon HUB dedicado a ‘analytics’ e ‘big data’, a serviços de ‘data center’ e infraestruturas e ao desenvolvimento/ teste das plataformas da empresa, com as mais recentes tecnologias, usadas internamente pelas Siemens e espalhadas pelos cinco continentes. Este ‘hub’ inclui o Cybersecurity Center, que protege a rede da Siemens de ataques externos e o Industrial Cybersecurity Operation Center, que protege infraestruturas industriais de todo o mundo de ataques cibernéticos.
Entre as posições disponíveis, estão a de ‘SAP HANA developer’, que terá a responsabilidade de desenvolver aplicações baseadas no ‘HANA data lake’ da Siemens, que é um dos maiores sistemas de HANA do mundo, ou de ‘security engineer’, com a responsabilidade de lidar com ataques sofisticados à segurança da informação da Siemens e dos seus clientes industriais.
Todas as vagas disponíveis aqui.
05.12.16



<< Retroceder

pub3