Artigo: Desafios da formação Artigo

A formação, para se manter interessante, requer actualização permanente, adaptação das tendências, adopção e incorporação de novos conceitos e novas teorias e total adaptação ao que os formandos querem e àquilo de que precisam.
Por Odilon Medeiros

É curioso como a vida é composta por desafios sucessivos. Se assim não fosse muitos de nós nem se sentiriam motivados.
É interessante procurar perceber se a formação para os profissionais das empresas continua a colocar desafios.
Um dos factores que destaco é a necessidade de assegurar que a formação não se torna em mais uma actividade aparentemente inútil, para complicar a vida profissional ocupada que todos sentimos nos tempos que correm.
A formação, para se manter interessante, requer actualização permanente, adaptação das tendências, adopção e incorporação de novos conceitos e novas teorias e total adaptação ao que os formandos querem e àquilo de que precisam, para ser útil de facto a quem contrata e para assegurar também o sucesso de quem a presta.
Destaco o significado de «interessante»: «importante; merecedor de atenção; que provoca interesse; que não é entediante nem monótono.»
Para que algo seja interessante tem que ser percepcionado como importante, merecer atenção e provocar interesse – sendo activo, dinâmico e gerador de participação. Para não ser monótono basta perceber que isso significa «mono-tom», logo tem que ser diferente de tudo o que já se viu, o que requer imaginação e inovação permanente e verdadeira.
Poder-se-ia dizer que este é um desafio para os formadores, mas se a satisfação desta necessidade dos formandos não for algo natural e evidente para um formador, então este não exerce a sua função com paixão e facilmente cai na monotonia – e refiro-me às relações formador-formando, da mesma forma que esse impacto existe numa relação de casal – para que a chama se mantenha acesa.
Claro que a paixão tem que ser complementada com dedicação, investigação e permanente actualização. É fundamental que o formador crie ou influencie os conteúdos e os suportes visuais da formação que vai ministrar.
Um ambiente interessante e propício à formação e em paralelo rentável para as empresas e desafiador para todos deve ser o mais possível variado, fortemente participativo, planeado e adequado a cada empresa e a cada realidade e entregue por formadores que sejam conhecedores e entusiastas em relação ao tema e aos conteúdos.
Para enfrentar o desafio de passar a mensagem, é preciso começar por acreditar.

Odilon Medeiros, do Brasil, é ‘coach’, consultor em gestão de pessoas, palestrante, professor universitário, mestre em «Administração», especialista em psicologia organizacional, pós-graduado em «Gestão de Equipas» e MBA em «Vendas». ‘Site’ aqui.
30.05.16


<< Retroceder

pub3